Lomadee

sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Produtor Fala Sobre o Novo 'Sexta-feira 13' e a Continuação de 'Uma Noite de Crime'

Material do Sessão do Medo...

O produtor Brad Fuller concedeu uma entrevista ao CraveOnline na sexta (10/1) e ofereceu novidades sobre várias franquias do estúdio Platinum Dunes, como ‘Sexta-Feira 13’ e ‘A Hora do Pesadelo’.

Ele começou falando sobre ‘Uma Noite de Crime 2’ (The Purge 2), continuação do sucesso de 2013. “A continuação de ‘Uma Noite de Crime’ cumpre a promessa do original pois não ficaremos na casa”, explicou. “Não é um filme de invasão doméstica.”

Segundo o produtor, na sequência “você está nas ruas com pessoas expurgando e um grupo de pessoas que ficam presas no meio, e precisam ir do ponto A para o ponto B.” Com estreia agendada para 20 de junho de 2014, o filme tem Frank Grillo (‘A Perseguição’) no papel principal.
Uma das grandes franquias produzidas por Fuller, ‘Sexta-Feira 13’, tem ainda mais expectativas para cobrir. Afinal, o novo longa, agendado para 13 de março de 2015, será a cabalística 13ª produção da série. “Uma tarefa muito intimidante”, nas palavras do próprio produtor.

“É uma questão de conseguir um roteiro que todos adoremos, que todos sintamos que podemos executar de uma ótima forma”, continuou. “Esta é sempre a batalha, não é?”

Fuller também falou sobre a possibilidade de usar o formato found-footage para dar novos ares à franquia. “É algo que estamos considerando, sim”, revelou. “Eu nunca sei, porque depende da história, e o que será a história. Foi noticiado, é algo que estamos avaliando, mas eu não posso dizer de forma definitiva que o filme será assim.”

Questionado se Derek Mears retornará do último ‘Sexta-Feira 13’ para interpretar o psicopata Jason Voorhees mais uma vez, o produtor disse: “Eu não sei, porque não sei se teremos Jason, não sei qual Jason teremos. Eu posso dizer isto: eu adoro Derek Mears, eu adoro trabalhar com ele e ele é um sonho, então teríamos muita sorte se pudéssemos tê-lo.”

Sobre possíveis sequências do remake de ‘A Hora do Pesadelo’, Fuller tinha menos para dizer: “Sabe o quê? Eu não tenho ouvido nada. É um pouco decepcionante.”

Ele afirmou que “ficamos muito orgulhosos daquele filme.” “Foi o primeiro papel principal deRooney Mara. Em termos de pura bilheteria, eu acho que foi nosso filme de maior arrecadação mundial. Eu adoraria fazer outro, mas eu me sinto assim em relação a todos os nossos filmes. Nós não embarcamos nesses filmes a não ser que realmente adoremos os personagens ou a história. Eu adoraria fazer filmes do Freddy Kruger a cada dois anos. Seria fantástico.”

Fuller revelou que não sabe sobre o contrato que Jackie Earle Haley assinou para viver Freddy Kruger em outros dois filmes. “Na verdade eu não conheço seu acordo, então eu não sei quando acaba, mas isso cabe à New Line e, se eles quiserem fazer [sequências], eles farão”, disse. “A New Line teve um sucesso enorme com ‘Invocação do Mal’ e aquele filme foi fantástico, e eu sinto que a New Line pode estar se afastando do tipo de horror com muito sangue e esse tipo de coisa no filme deles, indo mais na direção do que ‘Invocação do Mal’ foi. Pelo menos, foi o que eu ouvi, mas ninguém falou conosco sobre ‘A Hora do Pesadelo’.”

Por fim, o produtor falou sobre ‘Ouija’, novo terror sobrenatural de baixo orçamento que teráDaren Kagasoff (‘A Vida Secreta de uma Adolescente Americana’) no papel principal.

“Hoje é o dia 17 de 25 [das filmagens]”, revelou Fuller. “Estamos filmando aqui em Los Angeles. Este é um filme de orçamento consideravelmente baixo. Está na faixa de ‘Uma Noite de Crime’[US$ 3 milhões]. É a história que você acha que é. É uma história sobre um grupo de jovens que pegam um tabuleiro Ouija e começam a brincar, e tudo sai de controle… Em nosso filme, o tabuleiro Ouija é um aparelho de comunicação. Nossos jovens acessam algo horrível e o tabuleiro Ouija é a forma como a entidade entra e como ela terá de sair.”

Embora ainda não tenha data definida, ‘Ouija’ deve estrear em 2014.

Texto compartilhado via Cinepop. Crédito de imagem Terrorama.

Nenhum comentário:

Postar um comentário